Autoridade de Saúde Regional – Mais 31 novos casos de COVID-19 em São Miguel

0
23

Nas últimas 24 horas foram diagnosticados nos Açores 31 novos casos positivos de covid-19, todos em São Miguel, em contexto de transmissão comunitária, resultantes de 691 análises realizadas nos laboratórios de referência da Região.

No concelho da Ribeira Grande há seis novos casos (três na Ribeirinha, dois no na Matriz e um em São Brás). No concelho de Ponta Delgada há oito novos casos (um em cada uma das freguesias de Arrifes, Fajã de Cima, São José, São Pedro, Relva, Fajã de Baixo, São Sebastião e Livramento). No concelho da Lagoa há 17 novos casos (oito em Água de Pau, quatro em Santa Cruz, três no Rosário e dois no Cabouco).

Também nas últimas 24 horas foram registadas cinco recuperações, sendo quatro no Faial, freguesia da Praia do Norte, e uma na Terceira, freguesia de Santa Cruz do concelho da Praia da Vitória. À data de hoje está apenas internado um doente no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada.

O arquipélago conta presentemente com 305 casos positivos ativos, sendo 295 em São Miguel, cinco no Faial, dois na Graciosa, um na Terceira, um em São Jorge e um em Santa Maria. Estão ativas no Faial duas cadeias de transmissão local primária, uma na freguesia da Praia do Norte e outra em Castelo Branco, concelho da Horta. Até ao presente foram extintas 203 em todas as ilhas. Em vigilância ativa estão hoje 917 pessoas.

Desde o início da pandemia foram diagnosticados nos Açores 6.288 casos positivos de covid-19, tendo recuperado da doença 5.813 pessoas. Faleceram 33, saíram do arquipélago 82 e 55 apresentaram prova de cura anterior. Até ao presente realizaram-se 569.486 análises para despiste do vírus SARS-CoV-2, que causa doença covid-19.

Desde 31 de dezembro de 2020 e até 23 de junho, foram administradas nos Açores 204.508 doses de vacina contra a covid-19, correspondentes a 114.502 pessoas com 16 ou mais anos com a primeira dose, e 90.006 pessoas com ambas as doses, no âmbito do Plano Regional de Vacinação.

 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO