Carlos Furtado: “Sustentabilidade da pesca tem de melhorar”

0
48
blank
Carlos Furtado

Carlos Augusto Furtado – deputado independente

O deputado independente Carlos Furtado tem estado em auscultação dos pescadores dos Açores, no objetivo de propor na Assembleia Regional, iniciativas que visem a melhoria da sustentabilidade do setor.

O parlamentar recentemente esteve a ouvir também um dos armadores atuneiros, setor
determinante na atividade piscatória regional, que identificou inúmeros problemas da pesca em geral.

Nesta reunião esteve presente o Secretário Regional do Mar e das Pescas, Manuel São João, da ordem de trabalhos constaram a analise das condições económicas dos pescadores do chicharro, em função do baixo preço que este peixe tem sido vendido em lota, havendo a necessidade de associar a esta atividade outra, que incremente os rendimentos dos cerca de 150 pescadores desta área, existentes na região.

Outro assunto que também foi abordado, foi a partilha da cota do atum entre os Açores e a Madeira, que coloca a nossa região em condições desfavoráveis de operacionalidade.

A insuficiente capacidade de armazenagem de peixe em frio na região, também mereceu a atenção dos presentes, assim como as dificuldades de fixação de mão de obra.

No final do encontro ficou o compromisso, de ambas as partes, em levar a efeito reuniões de trabalho com a finalidade de continuar a debater as necessidades deste setor e encontrar soluções para o mesmo, que atualmente padece de problemas estruturais, não resolvidos pelos governos anteriores, sendo que este adiar de soluções, trouxe grande prejuízo a esta atividade do setor primário.

Carlos Furtado mostrou-se disponível para a defesa permanente desta atividade económica, que por razões óbvias pode representar muito na economia e bem-estar dos Açores.