Detido autor de vários furtos praticados no Faial

0
4

A Polícia de Segurança Pública (PSP), na sequência da diversa informação anteriormente veiculada sobre a ocorrência de crimes contra o património na cidade da Horta e sobre as medidas preventivas e diligências investigatórias adotadas pela PSP, através de comunicado enviado às redações, revela que o “Tribunal da Horta aplicou, no dia 17 de agosto, a medida de coação de prisão preventiva a um homem de 18 anos, natural e residente na ilha do Faial”. Segundo a mesma fonte “o arguido encontra-se indiciado nesta Polícia pela presumível autoria de cerca de trinta ilícitos criminais, designadamente, furtos simples e qualificados, introdução em local vedado ao público e maus tratos a animais”. A condução do arguido ao estabelecimento prisional, foi consumada pela Esquadra de Investigação Criminal da Horta, em cumprimento de mandado emitido pela entidade competente, em resultado de um longo trabalho desenvolvido pela PSP no último ano, no qual foram instruidos 27 inquéritos criminais, concretizadas seis detenções em flagrante delito e realizadas mais de uma centena de diligências de investigação. A PSP adianta ainda, que a maioria dos bens subtraídos, foram recuperados e restituídos aos seus legítimos proprietários. No comunicado a PSP refere que “a PSP considera que o conhecimento desta medida é relevante para o sentimento de segurança da população”, reforçando no entanto, “a importância da manutenção dos cuidados de segurança por parte de cada cidadão, numa perspetiva de responsabilidade partilhada e conjugação de esforços em prol da segurança e tranquilidade públicas”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO