Dia Europeu sem carros

0
11

Na passada segunda-feira, assinalou-se o Dia Europeu sem Carros. O Dia Europeu sem Carros nasceu em França em 1998, mas só, em 2000 foi introduzido na Europa. O objetivo desta data é sensibilizar a população e as autoridades para a necessidade de reduzir o tráfego rodoviário dentro das cidades, de forma a aumentar a qualidade de vida e garantir a sustentabilidade dos recursos naturais, optando por alternativas de transporte menos poluentes como os transportes públicos e bicicletas.

Integrado na Semana Europeia da Mobilidade, o Dia Europeu Sem Carros é celebrado através da promoção de ações de sensibilização. Nas cidades que aderem à iniciativa, neste dia, algumas ruas são fechadas ao trânsito de forma a incentivar os cidadãos a escolher meios de transporte alternativos e amigos do ambiente.

O encerramento das ruas pretende provar que a vida na cidade decorre da mesma maneira, ou pelo contrário, de forma muito mais saudável e calma, quando não há carros. A mobilidade é simultaneamente um bem social e uma necessidade económica. No entanto, a crescente utilização de transportes individuais está a provocar problemas de congestionamento de tráfego, má qualidade do ar e níveis de ruído relativamente elevados tornando-se numa ameaça para a saúde humana.

Este ano o dia passou em branco no Município da Horta, no entanto, tendo em conta a a sua importância, no que às questões do ambiente diz respeito, surge a necessidade de abordar o tema chamando a atenção para o conceito de mobilidade numa nova perspectiva, permitindo a deslocação continuada de pessoas, bens e serviços, com menor impacto ambiental, económico e social.

 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO