Divagando sobre política

0
11
DR
DR

Por: Paulo Salvador

Da recente cerimónia de homenagem ao Dr. Francisco Pinto Balsemão – antigo primeiro ministro de Portugal – clarividentemente promovida pelo atual primeiro ministro, Dr. António Costa e à semelhança do que fizera, há anos atrás, ao Dr. Mário Soares, ficaram-me no ouvido as palavras que referirei abaixo, da brilhante e lúcida intervenção do Dr. João Bosco Mota Amaral- a quem coube o discurso evocativo do homenageado e que, – modéstia à parte-, penso eu, ficarão a constituir um precioso contributo para se entender as complexas tensões políticas e ideológicas, então vividas nos idos anos 80 do século passado, contemporâneas dos mandatos dos 7º e 8º Governos Constitucionais – presididos pelo Dr. Balsemão -, bem como a intensa e agitada querela política em que se envolviam os principais partidos, então legitimados pelo voto universal do povo português e com assento no hemiciclo da Assembleia da República.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

 

 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO