Editorial | Edição de 9 de fevereiro de 2024

0
11
DR
DR

O civismo que rodeou nos Açores as eleições do passado domingo é um sinal de maturidade política que não podemos deixar de registar. Apesar da incerteza do resultado e dos antagonismos cultivados na campanha eleitoral, o povo soube serenamente expressar a sua vontade soberana. Nesse aspeto, nos Açores, honrámos muito bem o cinquentenário da liberdade e da democracia trazidas por abril.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!