Eleições Europeias: Andreia Vasconcelos defende Europa mais justa e mais solidária

0
25

A candidata do CDS/Açores ao Parlamento Europeu, Andreia Vasconcelos, visitou, esta terça-feira, o Centro de Apoio à Deficiência (CAD), na Praia da Vitória, onde defendeu uma Europa mais justa e mais solidária, que tenha em conta as necessidades dos mais vulneráveis da sociedade.
Andreia Vasconcelos defendeu que a solidariedade social é uma bandeira do CDS, reiterando que “queremos levar as questões dos mais vulneráveis para a discussão pública regional, nacional e europeia”.
“Vir hoje ao Centro de Apoio à Deficiência (CAD) é uma forma de chamar a atenção para o
trabalho extraordinário destas instituições. É preciso olhar para a deficiência e para as
necessidades especiais com outra abertura. São instituições como esta, com a dedicação dos seus colaboradores, que conseguem desenvolver um trabalho meritório, criando respostas para os seus utentes”, referiu.
A candidata democrata-cristão lamentou que no caso das necessidades especiais haja uma lacuna.
“Falamos do envelhecimento demográfico e na falta de natalidade, mas as necessidades especiais continuam a ficar aquém do olhar dos nossos agentes políticos. É preciso colocar estes jovens no mercado de trabalho. É preciso capacitá-los através de uma educação apropriada às suas necessidades e competências. Juntos temos de fazer isso, apoiando estas instituições”, afirmou.
Andreia Vasconcelos defendeu ser necessário “pôr na agenda a questão da coesão social”,
reiterando que o CDS “defende o reforço dos Fundos de Coesão e respostas específicas. Queremos uma Europa mais social, mais solidária e mais justa”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO