Estranhas estranhezas

0
22
Ricardo Madruga da Costa
DR/TI

O amontoado de situações insólitas ou anómalas que nos entraram pela casa dentro nestes últimos dois anos justificará certamente o soletrar arranhado do título deste artiguelho. E não vou tratar das latas de conserva de atum dos Açores que estão a suprir a deficiência proteica da tropa russa. Vou a coisas mais sonoras. Mas que são estranhezas…Desde o início do ano, na Rússia, (na de Vladimir Putin, naturalmente) oito fulanos a que chamam oligarcas (tipos cheios de massa) desandaram. Quer dizer: morreram em circunstâncias misteriosas. Oficialmente terá sido coisa cardíaca ou escorregão pela varanda. Como tem acontecido desde há alguns anos em países onde circulam russos azarentos. Talvez um bocado infiéis ao patrão. Em vez de aspirarem os estonteantes vapores de uma ervinha, alguém meteu-lhes veneno mortal pela goela abaixo.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura