Festival Cordas faz história com encontro de violas no feminino

0
32

“A Viola e a Mulher” é o programa que a MiratecArts, em parceria com a Associação de Juventude Viola da Terra, apresenta como abertura da quinta edição do Festival Cordas.

Maria Costa é a mais nova tocadora, com apenas 15 anos, e apresenta-se na ilha Graciosa. Matilde Costa já toca Viola da Terra há 5 anos, em Santa Maria. Mariana Cabral ocupa-se a tocar a viola em vários grupos de folclore e ainda nos bailinhos da Terceira. A Sofia Vidal já está com a viola há 10 anos e além de aulas toca também no rancho folclórico de Santa Cecília, em São Miguel. Monica Goulart começou com o violão nos ranchos do Pico, e só em adulta é que pegou na Viola dos Dois Corações. Cinco mulheres, de cinco ilhas dos Açores, online, apresentam, assim, o primeiro encontro de violas no feminino.

“Foi muito importante trabalhar com estas 5 tocadoras de viola da terra, mesmo que à distância” expressa o músico e professor Rafael Carvalho. “Estivemos a preparar algo único e que acontecerá pela primeira vez na história da nossa viola. Cada tocadora escolheu uma moda que bem representa a sua ilha, a sua tradição e o seu percurso. Quando tocam todas em conjunto, todo o esforço pessoal valeu, sem dúvida, a pena.”

Assim, a estreia deste trabalho será a abertura oficial da quinta edição do Festival Cordas, na segunda-feira 14 de setembro, pelas 18h Açores, na página de facebook da MiratecArts. O Cordas World Music Festival acontece de 14 a 20 de setembro com estreias diárias pelas 18h e 21h e ainda, a solo, algumas surpresas irão preencher todo o fim de semana de programação. www.festivalcordas.com

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO