Ginásios e espaços culturais reabrem a 1 de junho nos Açores

0
21

Os ginásios, cinemas e salas de espetáculos têm autorização para reabrir a partir de segunda-feira nos Açores, mas as regras de higiene e segurança, devido à covid-19, só serão conhecidas nos próximos dias, foi hoje anunciado.

“Durante os próximos dias — não restam muitos, é verdade — entre hoje e amanhã [sábado], teremos essas orientações emitidas, para que segunda-feira todos tenham conhecimento daquilo que serão as condições para poder usufruir dessas atividades“, adiantou hoje o responsável da Autoridade de Saúde Regional dos Açores.

Tiago Lopes, que é também diretor regional da Saúde, falava, em Angra do Heroísmo, num ponto de situação sobre a evolução da pandemia da covid-19 no arquipélago.

A resolução de Conselho de Governo, que aprova as medidas de desconfinamento na Região Autónoma dos Açores para o mês de junho, publicada hoje em Jornal Oficial, não refere a reabertura destes estabelecimentos, mas o secretário regional adjunto da Presidência para os Assuntos Parlamentares, Berto Messias, revelou hoje, em conferência de imprensa, que estavam autorizados a reabrir.

“Na prática, isso quer dizer que, a partir de 01 de junho, estão autorizados a abrir os auditórios, cinemas, teatros e salas de concertos, ginásios, academias e similares, casinos, estabelecimentos de jogos de fortuna ou azar, entre outros”, avançou.

Questionado sobre as regras de funcionamento destes estabelecimentos, Tiago Lopes disse que a Direção Regional da Saúde estava “a concluir” as orientações e recomendações para as publicar.

“Vamos, da parte da Direção Regional da Saúde, trabalhar nessas orientações e recomendações para que, a partir de segunda-feira, quando diversas entidades retomarem a sua atividade, possam ter essa orientação relativamente àquilo que serão as condições de segurança tanto para os próprios responsáveis das entidades como para qualquer cidadão que possa usufruir dessas mesmas atividades“, reiterou.

Além da retoma das ligações aéreas e marítimas interilhas, o Governo Regional decidiu autorizar a reabertura dos centros de convívio, nas ilhas de São Miguel, Terceira, Graciosa, São Jorge, Pico e Faial, a partir de 01 de junho.

Na mesma data, deixam de existir “limitações de lotação no caso da pesca recreativa embarcada”.

Até 15 de junho, continuarão, no entanto, suspensas nas ilhas em que se registaram casos da covid-19 atividades em piscinas cobertas, salvo as destinadas à atividade dos praticantes desportivos profissionais e de alto rendimento, e encerradas termas e spas.

Desde o início do surto foram confirmados 146 casos da covid-19 nos Açores, dos quais apenas dois estão atualmente ativos (na ilha de São Miguel), tendo ocorrido 128 recuperações (em seis ilhas) e 16 óbitos (em São Miguel).

A ilha de São Miguel é a que registou mais casos (108), seguindo-se Terceira (11), Pico (10), São Jorge (sete), Faial (cinco) e Graciosa (cinco).

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO