GPPS/Açores saúda acordo europeu que poderá garantir continuidade nos apoios aos agricultores e evita redução do POSEI

0
21
DR/PS
DR/PS

O Grupo Parlamentar do Partido Socialista dos Açores sublinha a importância do acordo informal alcançado, na passada sexta-feira, entre o Conselho e o Parlamento Europeu para que sejam prorrogadas as atuais regras da PAC (Política Agrícola Comum), “garantindo assim que até ao final de 2022 não haverá cortes nos apoios aos agricultores”.

A deputada do PS/Açores Patricia Miranda realçou que “o acordo estabelecido, apesar de ser apenas um primeiro passo de um processo em curso, também assegura que as Regiões Ultraperiféricas vão continuar a receber, nos dois próximos anos, os mesmos montantes de apoio financeiro que estavam em vigor”. As negociações também estabelecem a distribuição das verbas afetas a este setor através do Plano Europeu de Recuperação.

Patricia Miranda considerou que “este recuo nos cortes e nas reduções dos apoios aos agricultores Açorianos é uma medida importante para a agricultura da Região que, à semelhança de outras áreas de atividade, também tem sido afetada pelas consequências da pandemia”.

Para o Grupo Parlamentar do PS/Açores “não se deve desistir de defender os direitos e os interesses dos agricultores, tanto a nível europeu como a nível nacional”, lamentando que algumas afirmações e exigências precipitadas possam ser prejudiciais quer para as negociações que estão em curso, quer para a informação prestada aos Açorianos.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO