Hospital da Horta com Sistema de Gestão Administrativa Hospitalar atualizado

0
13

Desde o dia 15 de julho que o Hospital da Horta passou a utilizar o SONHO v2, Sistema de Gestão Administrativa Hospitalar, que consiste numa ferramenta informática administrativa criada há cerca de vinte anos para os hospitais. Implementado com sucesso no Hospital da Horta, O SONHO, principal sistema de gestão administrativa hospitalar, através da v2, pretende responder a constrangimentos sentidos pelas unidades hospitalares, de forma a assegurar capacidade de evolução para novas funcionalidades e escalabilidade. O SClínico, resultado das aplicações SAM (Sistema de Apoio ao Médico) e SAPE (Sistema de Apoio à Prática de Enfermagem), tem evoluído para uma aplicação única, centrada no utente e comum a todos os prestadores de cuidados de saúde, garantindo maior qualidade de informação clínica. A SPMS (Serviços Partilhados do Ministério da Saúde), enquanto responsável pelo desenvolvimento do SONHO e do software de informação SClínico esteve no Faial com uma equipa técnica, para monitorizar todo o processo de migração de dados da versão 1 para a versão 2 do SONHO e SClínico. O processo de migração para a nova versão implicou a paragem do antigo sistema e a adoção de um plano de contingência para que a instituição pudesse continuar a funcionar durante o período necessário à migração. A coordenadora dos sistemas locais de informação clínica e administrativa, Alexandra Cabral revelou que a intervenção foi um sucesso, com ressalva ao contributo da Saudaçor, da Secretaria Regional da Saúde e do Conselho de Administração do Hospital como essenciais para o processo de gestão da mudança. Considerando a complexidade dos sistemas, a SPMS assegura o acompanhamento na passagem de conhecimento e de boas práticas às equipas de suporte do Hospital da Horta. Atualmente, o sistema SONHO v2 está instalado apenas, no Hospital Garcia da Orta, no Hospital Distrital de Santarém e no Hospital da Horta, posteriormente será feita a implementação no Centro Hospitalar de Leiria e no IPO de Lisboa.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!