Incoerência ou servilismo?

0
19

A Câmara do Comércio e Indústria da Horta (CCIH), é uma instituição com uma longa e honrosa história, que deveria pugnar sempre pela defesa dos seus associados e das ilhas que representa, nomeadamente, Faial, Pico, Flores e Corvo. Contrariamente a esse desígnio, nos últimos tempos parece que anda sem norte, assumindo posições no mínimo dúbias e que permitem interpretações menos abonatórias.
Vem este artigo a propósito da recente tomada de posição assumida da CCIH no sentido de recusar a participação na plataforma do Triângulo porque a ela se encontram associados grupos de cidadãos, informalmente constituídos.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO