Não deixamos ninguém para trás?

0
27

Começo este texto com uma citação do primeiro-ministro, António Costa em maio do ano passado, numa altura em que efeitos sociais e económicos da pandemia já se anteviam sérios e prolongados. Afirmou o primeiro-ministro que a Segurança Social pública é o instrumento para “não deixar ninguém para trás nesta crise”.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO