O Escriba da Democracia

0
24
blank

No passado dia 10 de Março de 2021, no jornal diário da nossa ilha, Hugo Rombeiro, discorre sobre a sua visão da democracia. A dado momento aborda os manifestos e os programas eleitorais dos partidos e a sua execução ou defesa no pós-eleições.
A esse propósito, e na tentativa de apontar aqui um qualquer contraditório, diz o seguinte: “[…] temos um partido CDS-PP, que defende ideologicamente a iniciativa privada ou seja menos estado mais privado. No seu programa eleitoral nunca mencionou o fecho da Azorina, uma empresa pública que pertence ao governo regional mas que se rege pelas regras da iniciativa privada e a primeira iniciativa governamental que tem é o fecho da empresa e introdução dos funcionários na função pública com a explicação em Assembleia Municipal da Horta que a Azorina foi um bode expiatório para os jobs for the boys.” Ipsis verbis.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO