O Faial Antigamente – Colorindo o preto e branco

0
74

Três barcos do Pico – Coleção e colorização de J. M. Medina Garcia

No velho cais de Santa Cruz vêem-se três barcos do Pico e, ao fundo, constata-se que as obras de construção da doca, iniciadas em 1876, ainda continuam.
Esta fotografia está datada de 1898 e sabe-se que um daqueles barcos é o tristemente célebre Amigo do Povo. Construído em 1895, era propriedade do madalenense José Pires Luís Terra. Quinze anos após a sua viagem inaugural, seria ele o protagonista de uma das maiores tragédias marítimas destas ilhas irmãs. Foi no dia 14 de março de 1910 que naufragou, logo à saída do porto da Madalena, provocando 28 vítimas mortais, sendo 20 passageiros e oito tripulantes. O carregamento do Amigo do Povo constava de “duas mil achas de lenha, uma carrada de vimes e 16 feixes de rama” e trazia 13 tripulantes – dois mestres, um contramestre e 10 marinheiros – e 38 passageiros.
Das 51 pessoas que vinham a bordo, 28 encontraram a morte nessa fatídica manhã de 14 de março de 1910.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO