PS Açores considera que agora o importante é “olhar para o futuro” e trabalhar para “superar” os desafios que a SATA enfrenta

0
41
DR

“O que importa agora é rapidamente reunir as condições para que os Órgãos Sociais da empresa em conjunto com o acionista possam superar os desafios que se colocam ao Grupo SATA”, afirmou José San-Bento.

O vice-presidente do Grupo Parlamentar do PS Açores, que esta terça-feira respondia aos jornalistas sobre o pedido de renúncia do presidente do conselho de administração da SATA, adiantou ainda que “o PS acompanha o processo de uma forma serena” e “respeita” as “razões pessoais” que levaram António Luis Teixeira a pedir a demissão.

José San-Bento sublinha ainda a importância do processo de reestruturação que está em curso na companhia Açoriana: “Não abdicamos do trabalho de reestruturação, que deve ir o mais longe possível, independentemente do protagonista, no sentido de garantir a recuperação plena da empresa”.

Para o PS/Açores “a SATA é uma empresa que tem condições para ser viável, pois presta um serviço imprescindível a todos os Açorianos e conta com um acionista determinado a superar os grandes desafios que a empresa enfrenta”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO