Rastreio do Cancro da mama já realizou 36 mil mamografias nos Açores

0
17

O secretário regional da Saúde anunciou esta semana que, no âmbito rastreio do cancro da mama que está a decorrer nos Açores, já foram realizadas 36 mil mamografias, tendo sido detectados 73 casos, ainda numa fase muito inicial, o que é sinal de condições para uma boa recuperação.

A informação foi deixada por Miguel Correia no final de uma reunião com o Conselho de Administração do Centro de Oncologia dos Açores, que serviu também para fazer um balanço dos restantes rastreios em curso coordenados por esta instituição. 

O secretário revelou ainda que o rastreio do cancro da mama é para continuar, repetindo os exames com regularidade a todas as mulheres entre os 45 e os 74 anos.

Em simultâneo, declarou Miguel Correia, “está também a decorrer o rastreio do cancro do colo do útero, tendo sido feitas até ao momento 15.100 citologias”. De acordo com o governante, o objectivo é abranger todas as mulheres entre os 25 e os 64 anos, acrescentando que também aqui já foram detectados vários casos, o que permite iniciar de imediato a intervenção adequada de modo a ter todas as condições para ter sucesso no tratamento.

 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO