Reunião com a AICOPA – Berto Messias destaca colaboração de parceiros no combate ao desemprego

0
16

O presidente do Grupo Parlamentar do PS/Açores, defendeu ontem que conta com a colaboração dos parceiros no combate ao desemprego, após uma reunião com a AICOPA – Associação de Industriais de Construção e Obras Públicas dos Açores, que abordou o Plano de Investimentos para 2015.

 “Nas últimas semanas reunimos com vários parceiros sociais e ficou claro que todos eles estão ao lado do Governo dos Açores enquanto parceiros ativos no combate ao desemprego e no combate à crise económica e social”, afirmou Berto Messias.

O líder do Grupo Parlamentar do  PS/Açores  destacou, a este respeito que “há uma concordância generalizada de todos os parceiros com as opções que constam no Plano de Investimentos” e que os mesmos reconhecem  “o esforço que está a ser desenvolvido pelo Governo dos Açores para combater a crise, promover o emprego e a empregabilidade, aumentar o rendimento disponível das famílias, e criar condições para o início de um novo ciclo de desenvolvimento na Região”, revelou.

No entender de Berto Messias, verifica-se que existe “uma postura dos vários parceiros de disponibilidade para trabalhar em conjunto com o Governo, com uma posição reivindicativa mas construtiva e empenhada em assegurar mais desenvolvimento é um exemplo que devia ser seguido por alguns partidos da oposição nos Açores”, afirmou o Presidente da bancada parlamentar socialista.

No que se refere ao encontro com a AICOPA, o socialista reconheceu que “nos últimos anos tem havido um decréscimo da dinâmica de investimento em infraestruturas e construção civil, que decorre de uma conjuntura financeira muito desfavorável”, no entanto acredita que “se  perspetivam melhorias ao nível do investimento privado, da capacidade da banca apoiar investimentos e o Governo reserva cerca de 25% do investimento público do próximo ano para infraestruturas, cerca de 183 Milhões de Euros”, disse.

Berto Messias fez questão de destacar ainda o trabalho e o empenho dos empresários da construção civil, reconhecendo as dificuldades que têm sentido. “Sabemos das dificuldades que este sector tem atravessado e nunca é demais realçar o trabalho e empenho dos empresários desta área num quadro muito difícil, da maior crise financeira e económica das últimas décadas, agravada por uma política nacional de austeridade e carga fiscal sobre as empresas”.

O Líder Parlamentar do PS/Açores, referiu a este respeito que “tudo continuaremos a fazer para inverter esse ciclo negativo, usando os instrumentos públicos que temos a nossa disposição como é o Plano de Investimentos para 2015 e o novo quadro comunitário de apoio”, acrescentou.