Sem esquecer o pífaro, a pandeireta e os ferrinhos!

0
33
Ricardo Madruga da Costa
DR/TI

Num verdadeiro encantamento ao imaginar o pessoal ondeante nas voltas de um chá-chá-chá vibrante no rebolar de ancas para o rapaz manter o entusiasmo, ou extasiado com a sonoridade ondulante de uns acordes dedilhados sobre o piano da Escola tal e tal, foi o que, num repente tumultuoso me deu volta ao crânio! Porquê? Ora então não ouviram o senhor Deputado destas paragens terceirenses e taurinas anunciar no noticiário da RTP-Açores de 19 de Fevereiro que os partidos da coligação iriam promover nas nossas escolas o ensino artístico?! Sim senhor! Artístico! A dança, a pintura e a musica e não sei o que mais estará ainda no segredo! Claro que ninguém conhece as razões profundas desta ameaça mas tenho estado a dar voltas ao cérebro (enquanto os decibéis da charanga não me aleijam as calotes auditivas) qual seria a motivação! Pelo menos não revelaram detalhes. Será apenas uma iniciativa visando o engrandecimento cultural da nossa gente jovem? Engrandecimento! Certamente! E com efeitos compensadores.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura