Semana do Mar custou 375 mil euros

0
27
blank
SEMANA DO MAR 2022 _logo

A Câmara Municipal da Horta pretende iniciar muito em breve a preparação da Semana do
Mar do próximo ano, tendo em vista alocar os recursos necessários no Plano e Orçamento
2023, planear as ações de natureza logística e congregar patrocínios para o evento,
garantindo, dessa forma, o engrandecimento da dimensão e prestígio do evento.
Nesse sentido, tiveram lugar, ontem, nos Paços do Concelho, as reuniões da Comissão
Organizadora da Semana do Mar e dos Concessionários, com o propósito de avaliar a 45º
edição do evento, e recolher contributos para 2023.
“A avaliação feita pelos membros da Comissão Organizadora da Semana do Mar, assim
como pelos concessionários, foi extremamente positiva, e foram também apresentadas
sugestões muito pertinentes para a melhoria do maior evento que se realiza nesta ilha”,
frisou o Presidente da Câmara Municipal da Horta.
Carlos Ferreira transmitiu à Comissão Organizadora e parceiros que o valor do investimento
municipal na Semana do Mar 2022 ascendeu aos 375 mil euros. “Inscrevemos 249 mil
euros na rubrica da Semana do Mar, prevista no plano de atividades para 2022, a que
acresce o valor alocado do Programa Cultural para concretizar a opção que tomámos de
dar palco a todas as bandas faialenses, inclusive as chamadas bandas de garagem que
pela primeira vez tiveram o espaço que merecem no maior evento da ilha e um dos maiores
desta região” revelou o autarca.
O edil faialense realça que “nesta edição, temos ainda que considerar o conjunto de
intervenções de caráter logístico que tiveram de ser realizadas para organizar a Semana do
Mar num espaço completamente diferente, pelo que no conjunto global a Semana do Mar
2022 é um investimento que ascende a 375 mil euros.”
“É um grande investimento do Município, um esforço significativo de todos os parceiros,
mas para o Faial e para a região, é, certamente, um evento com retorno económico e social,
que projeta a ilha azul a nível nacional e internacional ” defendeu o Presidente da Câmara.