VISITA A S. MIGUEL – Reforço do sistema de saúde e capacitação da Região para o futuro dominam agenda do Presidente Luís Garcia

0
20
DR/ALRAA
DR/ALRAA

Reforçar o Sistema Regional de Saúde e capacitar as instituições e empresas para o futuro da Região foram os dois temas que dominaram o dia do Presidente da Assembleia Legislativa dos Açores, Luís Garcia, em São Miguel, tendo a sua agenda de hoje ficado marcada por uma sucessão intensiva de reuniões, com destaque para o Conselho de Administração do Hospital de Ponta Delgada, da Delegação da ANAFRE nos Açores e da Câmara de Comércio e Indústria de Ponta Delgada.
No que toca às preocupações relacionadas com a Saúde, o Presidente da Assembleia
Legislativa dos Açores saiu do Hospital de Ponta Delgada ciente dos esforços que estão a ser feitos pela administração e pela tutela para colmatar a evidente “debilidade” de recursos humanos médicos e de enfermagem daquela unidade hospitalar, que é a única da ilha e a maior do arquipélago.
O Presidente Luís Garcia constatou também que a retoma dos atos médicos adiados ou
suspensos “está a crescer”, de acordo com os números apresentados, naquele que considerou “um sinal positivo de volta à normalidade e de esperança na capacidade do Sistema Regional de Saúde para dar resposta a estas situações”.
Lembrando que a pandemia deixou clara “a importância do Sistema Regional de Saúde” mas também o reconhecimento das suas “fragilidades”, o Presidente da Assembleia apontou como prioridade a preparação da resposta às atuais necessidades e, depois, “aos desafios futuros”, que ninguém sabe “quando chegarão”, mas para os quais “é importante que tenhamos melhores respostas, em termos de instalações, recursos humanos e equipamentos”, tendo ficado satisfeito por saber que esse caminho “está a ser feito”.
À saída do Hospital de Ponta Delgada, o Presidente reforçou ainda o apelo “à união e à
solidariedade” entre todas as ilhas e todos os açorianos”, no sentido de tornar possível “um
esforço adicional” na reta final deste combate à pandemia.

Depois da reunião, o Presidente seguiu para a Delegação da ANAFRE nos Açores, onde
homenageou “o papel dos autarcas ao longo de todo este percurso autonómico” e,
particularmente, nesta pandemia.
Lembrando a frequência com que “as necessidades das pessoas e das famílias foram
colmatadas” pelos autarcas de proximidade, o Presidente da Assembleia sublinhou que a
região conta com eles para a fase seguinte, a “da recuperação e de reconstrução”.
De seguida, o Presidente reuniu com a Direção da Câmara de Comércio e Indústria de Ponta Delgada, que assume atualmente a presidência regional daquela instituição, a quem transmitiu a necessidade de se ter “mais sector privado” na economia real da Região.
“Muitos dos problemas que temos nos Açores para resolver só se resolvem com uma
economia mais forte, capaz de criar emprego e gerar riqueza de forma sustentável e
duradoura”, o que se faz “com o sector privado” lembrou o Presidente, reforçando a
importância das empresas na manutenção dos postos de trabalho e realçando o “esforço feito nesse sentido”, ainda que com a boa ajuda dos apoios públicos.
O Presidente Luís Garcia quer agora uma maior participação dos empresários na fase de
reconstrução da Região no pós-pandemia, tendo inclusive defendido uma maior “presença e participação do setor privado na aplicação dos fundos comunitários”, não só no âmbito do
Plano de Recuperação e Resiliência, mas também, no âmbito do quadro de financiamento
plurianual 21-27.
Da parte da tarde, o Presidente da Assembleia Legislativa dos Açores rumou aos paços do
Concelho da Ribeira Grande, de Vila Franca do Campo e da Lagoa, onde prosseguiu a sua
ronda de audiências com os Presidentes de Câmara da ilha de São Miguel, à semelhança do
que fez nas suas visitas à ilha do Corvo e da Terceira.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO