​“Ambi” entrega prémios à Escola Básica e Jardim de Infância de Pedro Miguel

0
9

A Escola Básica e Jardim de Infância de Pedro Miguel venceu o concurso no âmbito do projeto “O Ambi vai à escola”, que decorreu no ano letivo transato. O prémio entregue pela Câmara Municipal da Horta traduziu-se em material escolar ao estabelecimento de ensino vencedor, no valor de 250 euros.
O material escolar, escolhido pela escola consoante as suas necessidades, foi entregue no passado dia 25 de novembro, numa pequena cerimónia com todos os alunos da escola.
Os prémios resultantes deste concurso pelas mãos do Presidente da Câmara da Horta, José Leonardo, e pela mascote do projeto, o “Ambi”.
O concurso foi lançado em março de 2015 e procurou incentivar os alunos para as questões ambientais, nomeadamente a separação do lixo, papel e cartão, plástico e metal, sendo contabilizado as pesagens em função do número de alunos por escola.
José Leonardo, felicitou todas escolas pela participação neste projeto, que se vai ter continuidade este ano letivo, e afirmou que os números alcançados pelas escolas “é muito interessante”.
Afirmou ainda que “ a nossa aposta na educação ambiental é fundamental para nós conseguirmos construir um ambiente de qualidade”, e que se pode traduzir através dos números alcançados neste projeto, e que também traduzem a importância das ações de sensibilização ambiental junto das escolas, relembrando que no passado sábado, a autarquia lançou o filme “Ambi_Ação”, que irá passar em todas as escolas.
A escola vencedora, Escola Básica e Jardim de Infância de Pedro Miguel, com 48 alunos no ano letivo 2014/2015, separou 663kg de papel/ cartão e 303kg de plástico/metal.
Para além da escola vencedora, inscreveram-se também as escolas António José de Ávila, do Pasteleiro, da Vista Alegre e a Casa de Infância de Santo António.
O concurso foi lançado em março de 2015 e procurou incentivar os alunos para as questões ambientais, nomeadamente a separação do lixo, papel/cartão, plástico/metal, sendo contabilizado as pesagens em função do número de alunos por escola. O total das escolas, em apenas dois meses, recolheram cerca de duas toneladas de papel/cartão e uma tonelada de plástico/metal.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO