Aquário Virtual do Faial: Propostas apresentadas não reuniam as condições desejadas

0
20

A explicação veio do secretário regional do Ambiente e do Mar, Álamo Meneses, que à margem da visita às obras do Jardim Botânico do Faial que decorreu na manhã de hoje, falou aos jornalistas sobre a decisão do Executivo de não adjudicar a aquisição do equipamento necessário ao Aquário Virtual da Horta.

Escusando-se a comentar a troca de fogo entre PS e PSD a respeito desta questão, que marcou o dia de ontem, o governante frisou que este é um projecto que a Secretaria Regional da tutela considera “importante”, e que o objectivo é a abertura desta estrutura ao público “tão depressa quanto possível”.

Explicando as razões que terão levado a esta decisão, Álamo Meneses frisa que “o melhor candidato tinha sido eliminado do concurso, por razões burocráticas e processuais”, sendo que as restantes propostas não reuniam as condições entendidas como necessárias para aquele espaço, e por isso a Secretaria terá entendido suspender o concurso, preferindo seguir “outros caminhos”, que neste momento estarão a ser desencadeados. “Não fazia sentido prosseguir com um concurso cujo resultado não seria aquele que nós considerávamos adequado; não faz sentido estarmos a investir uma verba tão elevada para não obtermos o resultado que queremos”, explica o secretário.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!