Bolieiro defende reabertura total e imediata da lota de Rabo de Peixe

0
15

O presidente do PSD/Açores defendeu hoje a reabertura total e imediata da lota de Rabo de Peixe, alegando que a situação atual “não tem justificação” e está a criar um “enorme constrangimento económico e social” aos pescadores da vila.

“Defendemos a reabertura total e imediata da lota de Rabo de Peixe, respeitando as regras de segurança, higiene e distanciamento social. A situação atual não só não tem qualquer justificação, como também está a criar um enorme constrangimento económico e social para os pescadores e suas famílias”, afirmou José Manuel Bolieiro, após uma visita ao Porto de Pescas de Rabo de Peixe.

O líder social-democrata, acompanhado pelo presidente da junta de freguesia de Rabo de Peixe, Jaime Vieira, esteve reunido com pescadores, que manifestaram a sua perplexidade pela não reabertura total da lota.

“Num momento em que os Açores estão em processo de desconfinamento, em que há ligações inter-ilhas e os serviços públicos estão a retomar a sua atividade, não faz sentido a lota não reabrir como estava antes da pandemia”, sublinhou.

José Manuel Bolieiro sublinhou que as atuais condições de funcionamento da lota de Rabo de Peixe estão a provocar uma “quebra nos rendimentos dos pescadores”, dado que não conseguem escoar atempadamente o peixe, o que provoca uma “baixa nos preços do pescado”.

“Por exemplo, um pescador da vila de Rabo de Peixe recebeu apenas 150 euros por 1.000 quilos de lulas. Isto é resultado desta decisão sem fundamento de não querer reabrir a lota. Também os consumidores são prejudicados, pois deixam de ter acesso ao peixe mais fresco”, frisou.

O presidente do PSD/Açores alertou também o “grande desinvestimento” na manutenção das estruturas da Lotaçor em Rabo Peixe, que se “têm vindo a degradar”.

“Assiste-se ao aumento dos roubos nas casas de aprestos dos pescadores, porque não há substituição da iluminação daqueles espaços. Há pescadores que ficam, durante noites e madrugadas, a preparar as artes ao relento, sem quaisquer condições”, disse.

Segundo o líder social-democrata, “as próprias caixas de pescado não são substituídas há muitos anos, estando num estado completamente impróprio para a sua utilização, provocando lesões nos pescadores”.

“Isto não pode ser assim. Às vezes pequenos investimentos fazem toda a diferença na qualidade e bem-estar de quem trabalha. Este é um exemplo. Acresce a esta falta de investimento a imprevisibilidade dos horários de abertura da lota e do tempo de espera para o recebimento do valor do pescado. Isto tem de mudar”, afirmou.

José Manuel Bolieiro elogiou ainda o trabalho dos pescadores de Rabo de Peixe, que “nunca desistem perante as adversidades”.

“Mesmo em situação de pandemia e com uma quebra acentuada dos seus rendimentos, os pescadores de Rabo de Peixe não desistiram. Continuaram a lutar e a trabalhar para que não faltasse peixe na nossa mesa. Temos todos de reconhecer e agradecer esta atitude”, concluiu.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO