CDS PP quer um debate público da saúde

0
6

A iniciativa do CDS-PP Açores que recomendava que o Governo Regional promovesse o maior e mais largado debate possível sobre a proposta de reestruturação do Serviço Regional de Saúde, solicitando mais tempo e a auscultação de mais Açorianos e seus órgãos representativos foi aprovada por unanimidade, esta quinta-feira.

O Líder Parlamentar do CDS-PP considera fundamental alargar o debate porque “as alterações que o Governo Regional se propõe efectuar conceptualizam uma metamorfose profunda no funcionamento do Serviço Regional de Saúde, tal como o conhecemos, configurando um ataque ao estado social nos Açores, contraditoriamente tão defendido pelo Partido Socialista”.

“Perante a extensão e complexidade das alterações propostas é urgente a intervenção deste Parlamento, para que se garanta que a revolução no Sistema Regional de Saúde, que o Partido Socialista quer provocar, seja o mais amplamente debatido pela sociedade civil, pelos profissionais e utentes. As alterações que são propostas têm implicações mais extensas e profundas para além das unidades de saúde. A economia das diversas ilhas será afectada bem como as condições para a fixação de população”, justificou Lima.

Os democratas-cristãos entendem ser fundamental “alargar o período de audição pública da proposta para 60 dias”, bem como “uma efectiva e cabal divulgação e explicação das medidas previstas para cada uma das ilhas e unidades de saúde, através de uma eficaz campanha de publicitação nos diversos meios de comunicação social das ilhas (rádios, imprensa e televisão), com referência inequívoca sobre a como aceder ao documento em audição pública e como apresentar contributos”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO