CMH celebra Dia Municipal para a Igualdade

0
9

Na passada sexta feira, 23 de outubro, a Casa-Museu Manuel de Arriaga recebeu uma conferência alusiva ao Dia Mundial para a Igualdade, cujo tema foi “Conciliação da vida profissional, familiar e pessoal e Protecção na Parentalidade”.
Na sessão de abertura, José Leonardo Silva, presidente da Câmara Municipal da Horta (CMH), relembrou que com a assinatura do protocolo de cooperação entre a Câmara Municipal da Horta e a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, em 2013, impôs-se a nomeação de uma Conselheira Municipal para a Igualdade: Carla Mourão e a implementação de um Plano Municipal para a Igualdade.
Segundo o presidente da CMH, o Plano Municipal para a Igualdade é revestido de uma fase de diagnóstico interno, já efetuado em 2014, e de diagnóstico externo, através de consulta a diversos parceiros municipais, que se encontra em fase de conclusão, tendo em vista a apresentação pública daquele documento.
O edil anunciou também que o Plano Municipal para a Igualdade já está concluído e deverá ser apresentado até final do ano e afirmou que este “trabalho assenta não só no reconhecimento de que a Igualdade é um princípio consagrado na Constituição da República Portuguesa, mas sobretudo um princípio de cidadania, que deverá ter reflexo nas políticas públicas, no acesso ao emprego, na educação e em tantas outras áreas da nossa vida coletiva”.
Para José Leonardo Silva “o Dia Municipal para a Igualdade, no seu segundo ano, é uma oportunidade para aprofundarmos este tema com os nossos parceiros, face à persistência nas desigualdades de tratamento, no acesso ao mercado de trabalho, nos usos e costumes familiares e até mesmo na participação cívica e política” ao que acrescentou que “para a Câmara Municipal da Horta, o Dia Municipal para a Igualdade é um desafio à construção de uma sociedade com menos preconceitos e discriminações, onde todos nós temos, e devemos, ter um papel ativo e atuante”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO