Crónica – “Ninguém quer saber da verdade, apenas de que lado estás”

0
8
Chrys

Todos sabemos que há dores insuportáveis e o único analgésico é o tempo, mas cura não existe… toda a sociedade ocidental carece da visão orientalista sobre a inevitabilidade do estado pós-vida e isso causa mais dor ainda… e é assim que descrevo estes últimos dias, meses, anos em que pessoas que cresceram connosco na música, nas letras, no teatro, na vida, nos vão deixando. Há quem diga que elas morreram.

como escrevia nesta data Mil Ghent ·

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO