Feira Açores 2013 – Programa Agir Agricultura arranca já este ano

0
14

A sessão de abertura da Feira Açores 2013, que decorreu este fim-de-semana no Parque de Exposições da Quinta de São Lourenço, no Faial, ficou marcada pelo anúncio da entrada em funcionamento do programa Agir Agricultura ainda este ano.

De acordo com o secretário regional dos Recursos Naturais, o projeto tem por objetivo “aumentar o potencial produtivo agrícola açoriano, atraindo jovens para o setor e dinamizando o mundo rural que desempenha um papel preponderante na alavancagem da economia açoriana”. 

Luís Neto Viveiros revelou que “esta medida, que prevê formação profissional e estágios, destina-se a jovens com idades compreendidas entre os 18 e os 40 anos, inscritos nas agências para a Qualificação e Emprego há pelo menos quatro meses”.

O governante salientou ainda que, no âmbito desta medida, os empresários agrícolas e industriais poderão beneficiar de apoios à contratação permanente destes profissionais.

No que diz respeito à Feira Agrícola 2013, Viveiros recordou que que esta pretende promover a divulgação do setor agrícola junto dos agentes económicos e da população em geral, servindo para demonstrar as potencialidades que os empresários dos Açores têm demonstrado ao longo do tempo.

 “O setor agrícola, pilar da nossa economia, tem demonstrado uma evolução positiva ao longo dos anos, em termos quantitativos e qualitativos, fruto dum esforço de modernização e reestruturação da nossa estrutura produtiva”, lembrou, referindo que numa altura adversa no que à economia diz respeito, “o Governo dos Açores está ao lado dos agricultores e dos empresários da Região na busca das soluções que garantam a sustentabilidade da nossa economia e o bem-estar das gerações vindouras”.

O governante realçou ainda a importância do PRORURAL, que, no seu entender, os agricultores têm muito bem aproveitado. Segundo Viveiros, este financiamento comunitário e regional permitiu não só reduzir constrangimentos que se colocavam à competitividade das explorações como também promover a modernização das empresas agrícolas dos Açores, capacitando-as para modos de produção inovadores, melhorando a sua capacidade exportadora e, ao mesmo tempo, conseguindo manter com estabilidade a sua relevância social e económica.

Na ocasião o responsável pela pasta da Agricultura no Governo Regional congratulou-se ainda com a adoção de medidas defendidas pelos Açores no recente acordo alcançado sobre a reforma da PAC no Luxemburgo. Neste contexto, a Comissão Europeia tem intenção de manter medidas de apoio à instalação de jovens agricultores, à modernização das explorações agrícolas, à transformação e comercialização, bem como de manter os apoios destinados à construção de infraestruturas, permitindo prosseguir o processo de construção de caminhos agrícolas, da rede de abastecimento de água e eletrificação, bem como a conclusão da rede regional de abate.

 Já no âmbito do POSEI – programa que contempla as ajudas diretas para a Região -, o governante está confiante na manutenção dos montantes financeiros destinados à Região após 2004.

A Feira Agrícola Açores 2013 é certame organizado pela Região em parceria com associações e entidades locais. Durante os três dias do certame realizaram-se concursos de mel, de hortofrutiflorícola, de equinos, de bovinos de carne e leite, de canídeos e provas de vinhos, entre outras atividades, além de diversas exposições.

Para além da componente economia este certame contempla ainda a componente de lazer com destaque para a realização de espetáculos e atuações musicais, complementados pela existência de espaços de gastronomia.

 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO