Início Notícias Política Governo afirma que português é hoje “uma língua do mundo e para...

Governo afirma que português é hoje “uma língua do mundo e para o mundo”

0
13
DR
A secretária de Estado das Comunidades Portuguesas considerou hoje que a ratificação de 05 de maio como Dia Mundial da Língua Portuguesa mostra que o português “é hoje, efetivamente, uma língua do mundo e para o mundo”.

Intervindo na sede da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), em Paris, Berta Nunes disse que “a projeção internacional da língua portuguesa conhece hoje um novo marco de grande simbolismo, com a proclamação do dia 05 de maio como Dia Mundial da Língua Portuguesa, reconhecimento justo da sua relevância global”.

“Servirá, acima de tudo, para que conjuguemos ainda com mais convicção o seu futuro como língua de uma comunidade de nove países, a CPLP [Comunidade de Países de Língua Portuguesa], que a elege como força congregadora da sua existência e das realidades dos países que a integram, e como língua de comunicação internacional, com presença crescente nas novas rotas e dinâmicas globais da economia, do comércio e da cooperação internacional”, afirmou.

Para a secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, o idioma de Camões é uma “língua onde se trabalha o multilateralismo, em organismos internacionais, onde se faz e se acede a ciência e a conhecimento”.

No discurso, Berta Nunes quis ainda “agradecer” à assembleia e a todos os Estados membros da UNESCO que contribuíram para este “importante desfecho, saudando os 260 milhões de falantes espalhados por cinco continentes, bem como todos os que, reconhecendo a sua relevância, a aprenderam e a integraram nos seus repertórios linguísticos, fazendo-a sua também”.

A UNESCO ratificou hoje a celebração do Dia Mundial da Língua Portuguesa a 05 de maio, tornando oficial a proposta apresentada pelos países lusófonos.

Na proposta hoje aprovada, pode ler-se que “o português é a linguagem de nove estados-membros da UNESCO, que é a língua oficial em três organizações continentais e da Conferência Geral da UNESCO e é falada por mais de 265 milhões de pessoas, sendo uma das mais faladas no hemisfério norte”.

Na argumentação para a ratificação da proposta, a UNESCO considera que “é necessário implementar uma cooperação mais abrangente entre os povos através do multilateralismo, aproximação cultural e diálogo entre civilizações, em linha com o que está estipulado na constituição” da organização.

A instituição com sede em Paris lembra que 05 de maio já foi firmado como Dia da Língua e Cultura Portuguesa na CPLP, em 2009, e que “as Nações Unidas encorajaram a celebração de um dia nacional para cada uma das línguas oficiais da organização”.

Assim, conclui-se na nota, “a UNESCO decide proclamar o dia 05 de maio de cada ano como Dia Mundial da Língua Portuguesa” e encoraja “os Estados membros, especialmente na CPLP, e outros acionistas, a participarem no evento de uma maneira que cada um considere mais apropriado e sem implicações financeiras para o orçamento regular da UNESCO”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO