Governo dos Açores destaca projeto Athena para sinalizar o Dia Internacional das Mulheres e das Meninas na Ciência

0
23
DR
DR

O Governo dos Açores, através da Secretaria Regional de Cultura, da Ciência e Transição Digital, com coordenação do Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia (FRCT) e apoio da Direção Regional da Ciência e Transição Digital, sinaliza a comemoração do Dia Internacional das Mulheres e das Meninas na Ciência, 11 de fevereiro, destacando a sua participação no projeto Athena, o qual versa a promoção da igualdade de género nas áreas da investigação e inovação.

De acordo com o Diretor Regional da Ciência e Transição Digital, Sérgio Ávila, “o projeto Athena é financiado pelo Programa-Quadro para a Investigação e Inovação da União Europeia, Horizonte 2020, apresentando um orçamento total de 1 828 310€ para quatro anos e tem por principal objetivo o desenvolvimento de Planos de Igualdade de Género que contribuam para a inclusão, desbloqueio do potencial de investigação e melhora do desempenho global do Espaço Europeu da Investigação”.

Sérgio Ávila acrescentou, ainda, que “este projeto visa eliminar as barreiras de recrutamento, retenção e progressão na carreira de investigadores do género feminino, bem como abordar os desequilíbrios de género nos processos de tomada de decisão e gerar uma mudança cultural necessária para evitar futuros enviesamentos de género e práticas discriminatórias através da criação de Planos de Igualdade de Género”.

O projeto ATHENA configura-se como uma ferramenta estratégica para o acompanhamento do novo Programa Quadro de Investigação e Inovação, o Horizonte Europa, o qual destaca a importância e obrigatoriedade da inclusão da componente da igualdade de género nos projetos a financiar.

Este compromisso da Comissão Europeia em favor de uma “União da Igualdade” coloca os Planos de Igualdade e a sua implementação como um critério de elegibilidade para o financiamento dos projetos, independentemente da área da investigação.

Foi neste âmbito que o Governo dos Açores participou, nos passados dias 3 e 4 de fevereiro, na reunião de arranque do projeto ATHENA sob o titulo “Implementação de planos de igualdade de género para desbloquear o potencial de investigação das Organizações de desenvolvimento e financiamento da Investigação na Europa”, evento que, durante dois dias,  reuniu representantes de diferentes Agências de Financiamento, Centros de Investigação e representantes da Comissão Europeia.

Coordenado pelas Canárias, o projeto inclui a participação de um total de dez parceiros, incluindo centros de Investigação da Eslovénia, Polónia, Roménia, Eslováquia, Bulgária e Itália e agências de financiamento de investigação das Canárias e dos Açores, nomeadamente o Fundo Regional para a Ciência e Tecnologia. Estes países e regiões apresentam alguns dos índices mais baixos de igualdade de género na União Europeia.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO