Instalado piso sintético no polidesportivo do capelo

0
6
DR
DR
Um jogo de futsal, realizado na tarde desta quinta-feira, marcou a inauguração do piso sintético do Campo de Jogos da Casa do Povo do Capelo.
O investimento, financiado em cerca de 50 mil euros pela Câmara Municipal da Horta, resultou de uma parceria com a Casa do Povo do Capelo.
Para José Leonardo Silva, Presidente da Câmara Municipal da Horta, este é um espaço que contribui para a promoção da atividade desportiva num “Município Amigo do Desporto”.
“Este investimento teve, também, por objetivo conseguirmos, em freguesias mais afastadas do centro, criar condições para desenvolver o desporto e a atividade física, integrando a componente intergeracional”, explicou, na ocasião, José Leonardo Silva, que valorizou, igualmente, os vários compromissos assumidos e cumpridos na freguesia do Capelo, no atual mandato, com destaque para a requalificação do Caminho Farol, a criação da Casa do Bote, ou os protocolos celebrados com a Igreja, Casa do Povo e outras instituições de cariz local.
Por sua vez a Presidente da Casa do Povo do Capelo, Paula Brum, referiu que “este é um investimento de louvar que vai estimular o aumento da atividade desportiva da população, desde os mais novos aos mais adultos”.
Para Paula Brum, “A concretização deste projeto será, também, uma mais-valia para os locais e para a ilha do Faial.
Já Paula Oliveira, Presidente da Junta de Freguesia do Capelo, valorizou o trabalho comunitário e voluntário envolvido na concretização de um projeto que nasceu há 28 anos.
“Em 1991, a Junta de Freguesia do Capelo desafiou a Câmara a criar um polidesportivo no Capelo”, que acabou por ser inaugurado a 10 de junho de 1993, explicou a autarca, enaltecendo o facto daquela infraestrutura ser a única, nas freguesias rurais, também preparada para a prática do ténis e não somente do futsal, voleibol ou basquetebol.
Por isso, conclui, trata-se de “Um legado para as novas gerações, da mesma forma que fizeram por nós há 28 anos” ao construir este campo, agora requalificado com a parceria da Câmara com as instituições de freguesia.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO