Mudanças e Transformações

0
38
Rute Lacerda

“Ch-ch-ch-ch-changes”, cantava David Bowie em dezembro de 1971 enfatizando a reinvenção e mutação da sociedade moderna. Voltados cinquenta anos marcados por profundas e variadas transformações no mundo inteiro, a mensagem da canção mantém-se atual, tal como tantas outras obras artísticas e literárias passadas. Mudam-se os atores do grande palco mediático e adotam-se novos meios de difusão, agora instantâneos. As batalhas travam-se pela via digital, mas deixam de igual modo feridas gravemente expostas. Nos últimos dias, apregoaram-se mudanças e parece que estão mesmo quase a chegar, segundo notícias recentes. Algumas baseadas em rumores não desmentidos e, por isso, publicadas (?). Após semanas repletas de altos e baixos nas redes, com apagões, mea culpas, instauração de processos a funcionários pelo roubo de dados de milhões de utilizadores – pouco se aprendeu com o caso Cambridge Analytica – sem esquecer os atuais Facebook Papers ou a introdução de novas penalizações e rédea curta por parte dos reguladores e legisladores por causa do seu modelo e prática de negócio, a empresa Facebook prepara-se agora para mudar de nome, que está ainda no segredo dos Deuses, mas que poderá ser anunciado esta semana, pelo fundador da gigante tecnológica, na conferência anual Connect.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO