O suicídio dos pequenos partidos

0
29
DR/TI
DR/TI

Combati, nos últimos 20 anos, as sucessivas maiorias absolutas do Partido Socialista nas eleições legislativas da Região Autónoma dos Açores. Não fui eleito nas eleições legislativas regionais de 2000 e também nas de 2004. Finalmente, em 2008, o PPM entrou, pela primeira vez, no Parlamento dos Açores. Foi o ano em que o PCP regressou ao Parlamento e o BE logrou a sua primeira representação parlamentar. Assim, em 2008, o número de forças políticas com assento na Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores duplicou, mas o PS/Açores manteve a maioria absoluta.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO