O Voo do Cagarro: Entre a necessidade de falar da Ucrânia e os 20 anos do Tribuna das Ilhas

0
13
blank
Frederico Cardigos site

Tinha esperança que pudesse mudar de tema, mas não consigo. A guerra continua a grassar na Ucrânia e o esquecimento ou conformação do Ocidente parece ser um dos grandes perigos. A invasão bárbara da Ucrânia por parte do Governo e exército russos não pode ser um novo normal. Não é!

Quando há vinte anos o Senhor Mário Frayão decidiu criar a cooperativa que, em simultâneo, dava suporte ao jornal Tribuna das Ilhas tinha diversos objetivos em vista. Obviamente, o fito principal era proporcionar um espaço plural em que, semanalmente, se pudesse expor e refletir sobre o que se passava no Faial e nas ilhas do Triângulo.
Passados estes vinte anos e seguindo as diferentes sensibilidades sociais (incluindo partidárias) e geográficas que aqui escrevem, penso que esse objetivo, no que diz respeito ao Faial, tem sido atingido. Relativamente ao Pico e a São Jorge esse sonho ainda não foi plenamente concretizado. É pena. Se no caso do Pico isso não é crucial, porque tem boas plataformas de reflexão, já relativamente a São Jorge o caso muda de figura. Por não haver um órgão de comunicação social liberto do imediatismo, a base da reflexão está presa às redes sociais, com tudo o que aí advém de mal. Esta pode ser uma análise demasiado superficial, mas é o que sinto. Estarei errado?

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura