PS Açores avança com proposta para implementação de medidas excecionais em defesa do setor da Agricultura na Região

0
5

O Grupo Parlamentar do PS avançou com um projeto de resolução que recomenda ao Governo dos Açores a adoção de medidas excecionais para o setor agrícola, como por exemplo, “a antecipação do pagamento das ajudas comunitárias; Apoios específicos para os produtores de leite; de vinho e de flores; Apoio ao rendimento dos produtores das fileiras mais afetadas, entre outras medidas”, adiantou António Toste Parreira, anunciando o projeto entregue hoje na Assembleia Legislativa dos Açores.

O deputado do Partido Socialista considera que “apesar de todo o trabalho que já foi realizado nos Açores, há ainda um caminho longo pela frente, para tentar reduzir ao máximo os impactos que inevitavelmente a crise mundial está a provocar na Região”. No entanto, como fez questão de realçar “esse trabalho vai exigir o envolvimento de várias entidades regionais, mas também nacionais e europeias”.

António Toste Parreira defende que algumas das medidas já implementadas pelo executivo socialista “têm ajudado o setor”, como por exemplo, “a antecipação do pagamento de 30% do suplemento do prémio aos produtores de leite; a antecipação em 70% dos pedidos de pagamento no âmbito do PRORURAL+ e o esforço no pagamento das medidas prevista no PROAMAF (Programa de Apoio à Modernização Agrícola e Florestal)”.

“Por causa da pandemia mundial causada pela Covid-19, o setor agrícola tem sentido dificuldades na exportação de alguns produtos, refletindo-se na perda de rendimento para os produtores. Com esta iniciativa, pretendemos fazer frente e minimizar os impactos sofridos neste setor fundamental da nossa economia e que é sustento direto de milhares de famílias Açorianas”, adiantou o parlamentar.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO