PSD/A tenta boicotar audições da Comissão de Inquérito à Rede de Cuidados Continuados

0
22

“O PSD/Açores prestou um serviço lamentável aos Açorianos ao tentar boicotar as audições da Comissão de Inquérito à Rede de Cuidados Continuados, em vez de tentar proteger a verdade, os depoentes e a lei”, condenou João Paulo Ávila. O deputado do Grupo Parlamentar do PS/Açores falava esta sexta-feira, depois dos trabalhos da Comissão de Inquérito que decorreram à porta fechada, por causa das matérias que estão sob segredo de justiça.

“Com as audições a decorrer à porta fechada os depoentes falaram sem limitações, sem o constrangimento de eventualmente violar o segredo de justiça, sem condicionalismos de qualquer ordem e responderam a todas as questões que foram colocadas pelos três partidos presentes na Comissão de Inquérito”, acrescentou o parlamentar. “A proposta do PSD para adiar esta audição – o que foi recusado por todos os partidos – demonstra bem que a intenção do PSD não é obter esclarecimentos, mas sim fazer uma encenação mediática”.

“O PSD/A tem de decidir se quer fazer um processo para o sensacionalismo, ou se quer mesmo apurar a verdade, respeitando a lei, e garantindo que são apuradas todas as responsabilidades que há para apurar”, defendeu João Paulo Ávila.

“As audições decorreram normalmente com todos os partidos, que quiseram esclarecer os assuntos, a fazerem-no. Esta é a atitude responsável que se exige de um parlamento, que garante a liberdade de expressão, dentro e fora desta casa. Com esta decisão, não ficaram perguntas por fazer, pelo menos da parte dos partidos que quiseram participar no apuramento da verdade”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO