PSD acusa governo de enganar os faialenses

0
4

Em causa está a nova versão da Carta Regional das Obras Públicas (CROP)  que, de acordo com o comunicado dos deputados regionais eleitos pelo Faial, Costa Pereira e Luís Garcia, fez “desaparecer a construção da segunda fase da variante à cidade da Horta.”

“Apesar de ser uma obra sucessivamente prometida pelo PS desde 1996, a verdade é que ela está por cumprir. Dividida em duas fases, a primeira fase decorreu em 2006 e 2007, mas agora a conclusão da Variante desapareceu da CROP” – afirmam os deputados laranja que acusam esta decisão de “inaceitável e de consequências perniciosas dadas as óbvias implicações que tem noutros investimentos públicos, tais como o reordenamento da Frente Mar da cidade da Horta, a construção do novo Quartel dos Bombeiros e o reordenamento do trânsito na cidade.”

“É igualmente condenável que o Governo Regional e o PS continuem sem dar qualquer explicação para este desaparecimento. Os deputados do PSD eleitos pelo Faial aguardam há quatro meses (quando o prazo legal é 60 dias) pela resposta a um requerimento exatamente sobre este investimento. E aguardam há mais de seis meses pela resposta de outro requerimento sobre o cumprimento da CROP no Faial” – afirmam ainda.

Jorge Costa Pereira e Luís Garcia frisam ainda que  da CROP “desapareceu a “reabilitação da E.R. 2-2ª, Ramal Caldeira – Ribeira Funda”.

Na anterior versão da CROP estes dois investimentos estavam previstos para se iniciarem no primeiro semestre de 2015.

 


O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO