Requalificação do Miradouro do Rosto do Cão, em São Miguel, assegura conservação de estruturas militares encontradas no local

0
7

A Secretária Regional dos Transportes e Obras Públicas garantiu hoje que a requalificação do Miradouro do Rosto do Cão, em São Roque, Ponta Delgada, vai assegurar a conservação das estruturas militares encontradas no local, assegurando também a sua visitação após a conclusão das obras.

Ana Cunha salientou que, “no decurso dos trabalhos, sabia-se da existência, mas não se sabia da extensão, nem do que é que estava aqui, em termos desta estrutura militar que foi encontrada, e que data da II Guerra Mundial”.

“Na sequência disso, foi solicitado o apoio da Direção Regional da Cultura e também tivemos a colaboração do Museu Militar, que nos forneceu o projeto desta estrutura militar de defesa”, acrescentou.

A Secretária Regional referiu que foi necessário “fazer uma paragem nos trabalhos que estavam a decorrer, pedir a intervenção e a colaboração da Direção Regional da Cultura e também do Museu Militar para restruturar o projeto que estava em curso, de modo a contemplar esta estrutura, que tem uma importância e um simbolismo grande para a ilha de São Miguel e para a Região e que se pretende dar a conhecer às pessoas, residentes e visitantes”.

Após os reconhecimentos efetuados para elaboração do projeto de arquitetura foram encontrados vestígios das estruturas militares, tendo-se procedido a escavações no local que permitiram deixar a descoberto as estruturas dos espaldões e abrigos de pessoal, bem como o posto de observação, um paiol e vestígios das trincheiras, que visavam a defesa das baías do Pópulo e do Porto de Ponta Delgada.

A Secretária Regional, que falava no final de uma visita às obras, adiantou que, além da vertente geográfica natural e da vista para a baía de Ponta Delgada, a freguesia de São Roque e as praias, passa agora a existir “mais um ponto de interesse, que é esta estrutura militar de defesa, que, além de grande parte ficar visível, vai ter também alguns apontamentos explicativos”.

A intervenção no Miradouro do Rosto do Cão insere-se na estratégia do Governo Regional de requalificação de pontos de visitação e miradouros adjacentes às estradas regionais.

Os trabalhos de requalificação deste miradouro, à semelhança dos restantes que o Governo dos Açores tem vindo a executar na atual legislatura, tem como objetivo realçar a identidade do local e, neste caso específico, potenciar o interesse pelo miradouro, através da preservação e redescoberta de edificações com interesse histórico.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO