Rio defende “revisão global” das várias carreiras da função pública

0
13

O presidente do PSD defendeu hoje uma “revisão global das várias carreiras da função pública”, não para “tratar tudo por igual”, mas para alcançar “equidade” e “lógica”, de forma a “fazer justiça”.

“Acho que é impossível fazer justiça se não se olhar para as carreiras todas e não se fizer uma reforma a sério. Existe um problema transversal de carreiras congeladas que tem de ser resolvido. Perante tantas carreiras na função pública, o país vai ter de olhar para as carreiras todas e procurar uma uniformização”, afirmou Rui Rio após receber a Associação dos Profissionais da Inspeção Tributária, na sede distrital do PSD/Porto.

O líder social-democrata explicou que esta “não é uma proposta que se faça no Parlamento”, mas um processo que “demora uns anos” e que abrange professores, enfermeiros, magistrados e todas as “carreiras especiais” do setor público, acrescentando estar convencido que a medida “tem de ser incluída no programa eleitoral do PSD” e sustentando que “todos os partidos” deviam fazer o mesmo.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO