Taxa de desemprego no Reino Unido cai para 3,8%, a mais baixa desde 1975

0
8
DR
O desemprego no Reino Unido recuou em 16.000 pessoas entre outubro e dezembro de 2019, pondo a taxa de desemprego em 3,8%, a menor desde 1975, anunciou hoje a agência de estatística britânica (ONS nas siglas em inglês).O desemprego, que inclui tanto os que beneficiam do subsídio de desemprego como os que não, atingiu 1,29 milhões de pessoas durante o referido trimestre, segundo a ONS (Office for National Statistics).

A ONS também divulgou que os salários em média cresceram 2,9% em dezembro, contra 3,2% em novembro e o menor acréscimo desde o verificado no trimestre entre junho e agosto de 2018.

Contudo, o número de pessoas empregadas no Reino Unido subiu de novo, para 32,9 milhões de pessoas, mais 180.000 pessoas, no último trimestre de 2019.

A ONS sublinha que o aumento do número de pessoas empregadas foi sustentado por um “forte” impulso no número de mulheres que acederam a postos de trabalho a tempo inteiro.

“O emprego continuou com a tendência para subir, com a taxa a atingir outro máximo”, indicou Myrto Miltiadou, estatístico da ONS.

O mercado laboral do Reino Unido também mostrou sinais de melhoria, segundo Miltiadou, ao aumentarem as vagas de emprego pela primeira vez em 11 meses, tendo aumentado em 7.000 para um total de 810.000 desde novembro de 2019 para janeiro de 2020.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO