Trio Nuno Carpinteiro estreia no Pico

0
25
DR

Do topo da montanha ao maior palco do triângulo, Nuno Carpinteiro apresenta-se em trio na ilha do Pico.

 

O acordeonista Nuno Carpinteiro foi um dos poucos músicos que conseguiu chegar ao ponto mais alto de Portugal com o seu instrumento, onde debaixo de temperaturas negativas, um palco de gelo e neve, preparado com luvas, apresentou sua peça original “A Montanha” na cratera do Pico, há um ano. Agora, o artista volta à ilha montanha, desta vez acompanhado pelos músicos Bruno Silva e David Rodrigues para um grande concerto no Auditório da Madalena.

 

Este não é qualquer concerto. É a estreia do Trio Nuno Carpinteiro na ilha do Pico, no maior palco do triângulo, e a apresentação do seu trabalho discográfico que ficou com o título da peça que começou esta aventura, “A Montanha”. Além de ter sido inspirado pela montanha do Pico também tem outra conexão com a MiratecArts, entidade organizadora, devido ao encontro do músico com a artista Verónica Melo, na passada edição do Montanha Pico Festival, onde ela pintou a capa do CD.

 

“A Montanha” é o primeiro disco de Nuno Carpinteiro, um trabalho de músicas instrumentais, onde o acordeão, a viola e a guitarra eléctrica se unem numa viagem sonora por temas de natureza tradicional, com arranjos contemporâneos.

 

Sendo assim, o encerramento oficial da sexta edição do Montanha Pico Festival, apresenta às audiências do Pico mais uma oportunidade única, de ver e ouvir ao vivo este trabalho inspirado pela ilha montanha do Pico. O concerto do Trio Nuno Carpinteiro acontece sexta-feira, 31 de Janeiro, pelas 21h no Auditório da Madalena. Portas abrem pelas 20h30 e entrada é livre. www.picofestival.com

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO