Uma Trovoada Eleitoral

0
17
TI

Escrevo este artigo sob uma trovoada monumental, que me tirou da cama na madrugada desta quinta-feira. Foi o barulho que me despertou, um estrondo, imediatamente seguido de mais raios e respetivos trovões, que iluminam e abanam os céus de S. Miguel há já mais de duas horas.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO