100 anos – Centenário

0
22

Da Cidade Mar vim para a Cidade Património Mundial, onde estou, por Graça de Deus, a comemorar 100 anos de Vida, com Familiares e Amigos, alvo de honrarias jamais pensadas.
Manhã cedo, acordo ao som do carrilhão da Sé Catedral, anunciando a Missa das 9,30 horas que Monsenhor Hélder Fonseca iria rezar, em Acção de Graças pelo meu Centenário, gesto que muito me sensibilizou.
E na impossibilidade de estar presente, o meu filho Constantino Magno encarregou-se de apresentar os nossos agradecimentos ao ilustre Sacerdote.
Entretanto, a campainha de entrada toca: era o amigo Rafael Luís que acabava de chegar da Horta, para um abraço de felicitação, confirmando a justeça do ditado.
É que logo regressou ao Faial, ilha onde se radicou e constituiu Família, pondo a render divinos dons, no Comércio, Indústria, Política e Desporto.


Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO