Assembleia Municipal – Bancada do PSD insatisfeita com contas do Município

0
23

 Da ordem de trabalhos da última reunião da Assembleia Municipal, que decorreu na passada sexta-feira, constava, entre outras coisas, a prestação de contas e o relatório de gestão do Município referente ao ano de 2010.

Na análise que fez da situação financeira da autarquia, João Castro fez referência a um “cenário positivo”, destacando o facto do município ter conseguido entregar cerca de 4 milhões de euros em amortizações durante 2010. No entanto o PSD não faz a mesma leitura dos números.

De acordo com Laurénio Tavares, existem vários objectivos do Plano de Actividades que não foram concluídos em 2010. O deputado municipal laranja exemplifica com a construção de fogos no âmbito da habitação social a custos controlados, a elaboração do plano de Ordenamento Viário, Circulação, Estacionamento e Transportes Públicos do Concelho, a conclusão da 1.ª fase do Parque Empresarial ou a remodelação da Peixaria do Mercado Municipal, entre outros. No entanto, os social-democratas salientam como aspectos positivos da gestão autárquica em 2010 na desobstrução e recuperação de nascentes que tinham ficado soterradas no sismo de 1997, bem como na área da recolha e tratamento de resíduos sólidos urbanos.

Também da bancada social-democrata, Conceição Lourenço manifestou a sua preocupação em relação às contas da autarquia, com destaque para a dívida à banca e a fornecedores, que atinge já cerca de 9400 mil euros.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!