Carlos César abandona liderança do PS/Açores ainda este mês

0
11

Carlos César irá abandonar o cargo de líder do PS/Açores até ao final deste mês. O líder irá provavelmente passar a exercer funções de primeiro Presidente Honorário do PS nas ilhas, cargo que não apresenta qualquer poder executivo.

As eleições para eleger o substituto de Carlos César estão marcadas para os dias 11 e 12 do corrente mês. Até ao momento só Vasco Cordeiro se apresentou como candidato.

O primeiro Presidente Honorário do PS/Açores será eleito, por voto secreto, no congresso regional do PS, marcado para 25, 26 e 27 de janeiro, na cidade da Horta.

De acordo com o artigo 38.º dos estatutos do partido, o Presidente Honorário tem a responsabilidade de presidir ao Congresso Regional e à Comissão Regional com lugar em todos os órgãos do partido com exceção, quanto ao direito de voto, do Secretariado Regional, da Comissão de Jurisdição e da Comissão Regional de Fiscalização Económica e Financeira.

“Para ser Presidente Honorário do PS/Açores é preciso que eu seja proposto para este lugar, que eu aceite ser proposto e depois seja aceite pelos socialistas”, afirmou Carlos César, lembrando que o partido a nível nacional tem dois presidentes honorários, Maria de Belém e Almeida Santos.

 

 

 

 

 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO