CEMAH – Apresentação de resultados do exercício 2018 e Assembleia Eletiva

0
30

No passado dia 15 de março, a Assembleia Geral da Caixa Económica da Misericórdia de Angra do Heroísmo, caixa económica bancária, SA (CEMAH) reuniu, em sessão ordinária, para deliberar, entre outros assuntos, sobre o relatório de gestão e as contas do exercício de 2018 e eleger os
titulares dos Órgãos Sociais da CEMAH, designadamente da Mesa da Assembleia Geral, do
Conselho de Administração, do Conselho Fiscal e o Revisor Oficial de Contas, para o triénio 2019-2021.
A Santa Casa da Misericórdia de Angra do Heroísmo, acionista único, aprovou quer o relatório apresentado e respetiva proposta de distribuição de lucros quer a única lista de candidatura a membros dos Órgãos Sociais.
A instituição de crédito regional apresenta um Resultado Líquido do Exercício de 2.839.036 euro, o melhor de sempre da vida da Instituição. O rácio de capital situou-se nos 12,18%. Do referido relatório destaca-se, ainda, o incremento do volume da carteira de depósitos e de crédito, que se traduziram num aumento das respetivas quotas de mercado na Região Autónoma dos Açores em 13,34% e 6,24%, respetivamente. O total de crédito concedido bruto situou-se nos 229.206.756€ e os depósitos de clientes nos 392.714.563€.
Estes indicadores de desempenho representam a confiança na Instituição e o seu contributo para o financiamento da economia regional, ao mesmo tempo que são sinais da resiliência desta instituição centenária, cuja atividade de desenvolve num cenário de enormes desafios e exigências.
O ano de 2018 ficou ainda marcado para a instituição pela transformação em Sociedade Anónima e consequente alteração estatutária. Este processo, que se desenrolou no último ano, foi concluído a 6 de novembro p.p., ficando a CEMAH melhor preparada para enfrentar os presentes desafios da sua atividade, mormente em caso de necessidade de reforço de fundos próprios.
Os Órgãos Sociais que agora renovam o seu mandato para o triénio 2019-2021, procuram, assim, desenvolver a sua atividade com uma sã e criteriosa gestão, alicerçada no desenvolvimento sustentado e baseada em critérios de rigor e prudência, com o objetivo supremo de proteção dos seus depositantes, cumprimento do quadro regulatório vigente e relacionamento de excelência com os seus clientes, posicionando a instituição como um importante agente de desenvolvimento da RAA, sem esquecer a sua natureza social, que afinal é a razão de ser da própria CEMAH.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO