Geoparque Açores quer cativar público mais jovem

0
10

Na tarde de ontem o Geoparque Açores esteve em destaque num dos painéis da 11.ª Conferência  Europeia de Geoparques, que decorre em Arouca. Na ocasião, Eva Lima, do geoparque açoriano, fez uma  breve  descrição dos programas educativos dinamizados por esta instituição. Tratam-se de conteúdos disponibilizados on-line, no site do Geoparque Açores, que se destinam a ajudar os professores a ensinar  os alunos sobre a geologia dos locais onde vivem.
Entretanto, está já a ser preparado um livro sobre os vulcões dos Açores, destinado a crianças entre os 5 e os 8 anos, bem  como um livro com desenhos para colorir destinado a crianças mais pequenas.
Além disto, o Geoparque Açores criou um jogo educacional, adaptado aos vários níveis de ensino das escolas açorianas, que pretende aguçar a curiosidade dos mais novos pelos sítios de interesse geológico. Viagens de campo e geosafaris completam o leque de actividades destinadas a ensinar as crianças e jovens a interpretar a paisagem geológica à sua volta.
Segundo Eva Lima, o grande desafio do Geoparque Açores na vertente educacional é, precisamente, ajudar as crianças açorianas a interpretar as paisagens geológicas, de modo a que ganhem curiosidade e peçam aos pais e professores para visitar os geosítios da sua zona.
A iniciativa açoriana mereceu a aprovação dos representantes de outros geoparques que assistiam à palestra, e houve até quem sugerisse que os materiais pedagógicos referidos fossem disponibilizados em inglês aos filhos dos visitantes. Eva Lima explicou que esse é um objectivo do Geoparque Açores, que, no entanto, está concentrado, primeiramente, em sensibilizar as crianças açorianas.
Já na manhã de hoje, Eva Lima deu a conhecer as ferramentas de comunicação utilizadas pelo Geoparque Açores, como mapas, folhetos ou postais, entre outras. Na ocasião, explicou que um dos objectivos da associação é editar mapas geológicos pormenorizados de todas as ilhas. Neste momento, está a ser preparado o do Faial.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO