Geoparque Açores – Recebe “cartão verde” no âmbito do Processo de reavaliação

0
83
DR

DR

No âmbito do processo de reavaliação, o Geoparque Açores voltou a receber o “cartão verde” atribuído pela Comissão Nacional da UNESCO de Portugal.

Este “cartão verde” reconhece o trabalho desenvolvido pelo Geoparque Açores, seus colaboradores e parceiros nos últimos 4 anos, na geoconservação, valorização e promoção da geodiversidade dos Açores.

 

A Comissão Nacional da UNESCO de Portugal, informou a Associação GEOAÇORES, que, no âmbito do processo de reavaliação do Geoparque Açores – Geoparque Mundial da UNESCO, foi atribuído um “cartão verde” ao Geoparque Açores, que se traduz na manutenção da chancela “Geoparque Açores – Geoparque Mundial da UNESCO” até 2021.
Esta decisão decorreu da 2.ª Sessão do Conselho de Geoparques Mundiais da UNESCO que se realizou em setembro de 2017 na China, onde foram analisadas 15 propostas de candidatura a novos Geoparques Mundiais ou extensões de Geoparques Mundiais existentes, assim como a reavaliação de 35 geoparques inscritos na Rede Mundial de Geoparques.
Esta decisão da UNESCO vem reconhecer o trabalho desenvolvido, nos últimos 4 anos, pelo Geoparque Açores e por todos os seus colaboradores e parceiros, na geoconservação, valorização e promoção da geodiversidade dos Açores, nomeadamente pelo desenvolvimento de um geoturismo sustentável e respeitador dos valores geoambientais da Região Autónoma dos Açores.
O Geoparque Açores é gerido pela Associação GEOAÇORES e integra a Rede Europeia e Global de Geoparques desde março de 2013, tendo sido este o seu primeiro processo de reavaliação.
Para além do Geoparque Açores, outro geoparque português, o de Arouca, viu também renovada por mais 4 anos a sua chancela como Geoparque Mundial da UNESCO. 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO