JS Faial contesta declarações da JCP a propósito da falta de condições nas escolas

0
7

A Juventude Socialista da Ilha do Faial refutou, em comunicado de imprensa, as afirmações proferidas pela Juventude Comunista Portuguesa, quanto à falta de condições nas escolas Faialenses.

De acordo com o documento “todo o investimento efetuado nos últimos anos, pelo Governo Regional dos Açores, bem como pela Câmara Municipal da Horta, na ilha do Faial, em infraestruturas e equipamentos escolares, melhoraram e beneficiaram, na nossa opinião, todo o parque escolar Faialense, assim como as condições dos alunos, professores e todos os elementos ligados à área educativa. As recentes obras de construção da Escola Secundária Manuel de Arriaga, da Escola Profissional da Horta, a grande remodelação da Escola Básica Integrada da Horta, cujas obras ainda se encontram a decorrer, estando já prevista o arranque da segunda fase e a aposta na criação da nova Escola de Marítimos dos Açores, a par de outros investimentos em escolas do primeiro ciclo, confirmam o excelente trabalho desenvolvido nesta área, na nossa ilha, e que certamente é motivo de orgulho para todos os Faialenses.”

José Menezes, secretário coordenador daquela força partidária da nossa ilha afirma ainda “não poder acreditar, que um dirigente nacional, habituado certamente a ver a realidade ao nível país, não tenha ficado surpreendido, pela positiva, quanto às excelentes condições que encontrou na nossa ilha.”

 

“A crítica pela crítica, vazia de soluções, apenas com o intuito de deitar abaixo, constitui um péssimo serviço daqueles que detém responsabilidades numa organização política de juventude, muito pior quando não correspondem à realidade” – sublinhou. 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO